Processo de improbidade administrativa contra vereador Maninho 100% (PTB) é arquivado pela Câmara de São José | Últimas Notícias
maninho-100-por-cento-vereador-sjc

Processo de improbidade administrativa contra vereador Maninho 100% (PTB) é arquivado pela Câmara de São José

Não será dessa vez, a maioria dos vereadores da Câmara de São José votaram pelo arquivamento das denúncias de improbidade administrativa e quebra de decoro parlamentar contra o vereador Maninho 100% (PTB).

A decisão dos vereadores acabou ignorando o parecer da Comissão de Ética, o plenário votou contra o recebimento de uma representação sobre o vereador durante a sessão desta última terça-feira (17), o placar à favor do arquivamento foi de 12 a 6.

Votaram a favor do arquivamento e do vereador Maninho 100%, os parlamentares: Fernando Petiti (PSDB), Dulce Rita (PSDB), José Dimas (PSDB), Dr. Elton (PMDB), Marcão da Academia (PTB), Esdras Andrade (SD), Flávia Carvalho (PRB), Prof. Calasans Camargo (PRP), Renata Paiva (PSD), Robertinho da Academia (PPS), Roberto do Eleven (PRB) e Valdir Alvarenga (SD).

Votaram pela investigação os vereadores Lino Bispo (PR), Cyborg (PV), Walter Hayashi (PSC), Wagner Balieiro (PT), Juliana Fraga (PT) e Amélia Naomi (PT).

Acusação

Contra o vereador Maninho 100% pesavam duas acusações, protocoladas em agosto, que acusam o vereador de empregar em seu gabinete um assessor que, na verdade, trabalharia no balcão de anúncio do jornal que o parlamentar mantém na zona leste de São José, base política do vereador. É a segunda vez que o parlamentar consegue se safar de uma acusação no legislativo joseense. A Câmara já havia arquivado a investigação contra o vereador pela mesma denúncia em junho deste ano.